• PT
  • EN

Confira como foi e quem venceu a etapa Sudeste do Desafio SETup

Aconteceu na noite de terça-feira (14/06) o Desafio SETup edição Sudeste, 4ª etapa da competição cujo prêmio é um estande na SET EXPO 2019 – principal feira de negócios do setor de conteúdo e media technology da América Latina.

Precedido por uma série de painéis e seminários voltados à assuntos extremamente relevantes para o mercado audiovisual brasileiro, a etapa foi realizada em Belo Horizonte, no Campus da PUC-Minas, e moderado por Edson Mackenzy, Head Innovation da SET.

No total, seis startups tiveram a oportunidade de apresentar soluções que fossem capazes de gerar alguma forma de inovação interna para os veículos de comunicação. Foram elas, em ordem previamente estipulada: Q Media (SP), Nextdial (SP), Mulheres Elétricas (MG), Metha Energia (MG), Bume (MG) e Uniradio (MG).

Cada representante de startup teve até quatro minutos de pitch para explicar do que se tratavam suas respectivas soluções. Confira um resumo das ideias apresentadas:

Q Media: a empresa apresentou uma alternativa para TV, que promete servir de ponte para unir as mídias digitais às offline priorizando a experiência do espectador. Através de realidade aumentada, a plataforma transforma o smartphone em ferramenta de interação com a televisão, gerando uma espécie de pontuação que pode ser trocada, por exemplo, por descontos nos serviços oferecidos pela campanha com que o usuário interagiu.

Nextdial: voltados ao mercado de radiodifusão, a startup se apresenta como a única capaz de medir com precisão a audiência internet das rádios FM, além de conseguir especificar os canais utilizados pelo ouvinte. Batizada de Nextdial Intelligence, uma espécie de “audio ads”, a ferramenta propõe automação e digitalização dos processos de negócio e maior efetividade na entrega de publicidade.

Mulheres Elétricas: a empresa de mídia e conteúdo conecta mulheres empreendedoras ao compartilhar histórias inspiradoras e reais. Fazendo curadoria dos conteúdos produzidos por diversas mulheres, a startup os compartilha em vários formatos (offline e online), incluindo eventos (networking, workshops, talk shows). A ideia é criar uma rede de embaixadoras para ampliar o alcance desses eventos, fortalecer a marca, orientar e gerar renda para as eleitas.

Metha Energia: pensando no sustentável, a startup criou um método capaz de ofertar energia elétrica mais barata e simples através de um processo 100% online para o consumidor. A empresa permite que qualquer pessoa possa se conectar a um microgerador de energia e usufruir dos créditos excedentes de energia. Uma ideia que gera 15% de economia na fatura do consumidor final e pode gerar muito mais para o setor de radiodifusão.

Bume: a empresa apresentou uma solução que pretende fazer com que as emissoras de rádio e TV enxerguem o Instagram como complemento de seu produto, como uma ferramenta essencial para estreitar laços entre produtor e consumidor de conteúdo. A plataforma de gestão e crescimento que tem, entre outros, um recurso que permite gerenciar, otimizar e automatizar a função “Melhores Amigos”.

Uniradio: o produto desta startup é uma plataforma voltada à músicos e anunciantes de rádio. No ambiente online, o cliente define o público que deseja atingir e a ferramenta gera uma lista de rádios e/ou programas com audiência semelhante ao público desejado. Toda a contratação funciona dentro da plataforma, a rádio divulga o anúncio (ou música) e o anunciante recebe um relatório de monitoramento da campanha.

Foto: Carol Gilberti, fundadora e CEO da startup Mulheres Elétricas.

Os jurados desta edição foram Olímpio Franco (Diretor Executivo da SET); Renato Moreira (Professor da PUC-Minas); Geraldo Mello (Representante da SET e professor da PUC-Minas); Evandro Carmo (Especialista em Gestão do Sebrae) e Ana Martins (Diretora Executiva do Órbi Conecta).

Ao fim das apresentações, eles atribuíram notas de 0 a 10 às empresas. Esta avaliação foi pautada por três critérios: o quanto o modelo de negócio é viável para a plataforma pretendida; o grau de inovação da solução e a qualidade da apresentação.

Com apenas 3 pontos de vantagem, a startup selecionada pelos jurados foi a Mulheres Elétricas. Na grande final em São Paulo, nos dias 28 e 29 de agosto, durante a SET Expo 2019, a empresa se juntará às finalistas das etapas anteriores (Deskler, Bugaboo Studio e Dreamkids), à outras cinco selecionadas pela banca nacional online (repescagem) e à futura selecionada da etapa Sul – que acontecerá em Curitiba, nos dias 12 e 13 de junho. Inscreva-se aqui.

A cobertura em vídeo da SET Sudeste 2019 está disponível em nosso no YouTube, a SET TV.