• PT
  • EN
  • ES

Brasil 4D fará novos testes em São Paulo e Minas Gerais com foco em educação

Projeto permite que telespectador acesse diversos serviços públicos pela TV, somente com o controle remoto e sem estar conectado à Internet

“Brasil 4D”, projeto criado e desenvolvido pela Empresa Brasil de Comunicação (EBC) para oferecer serviços interativos por meio da televisão pública e digital, aguarda a homologação das características do conversor digital, aprovadas pelo Fórum do Sistema Brasileiro de TV Digital Terrestre (Fórum SBTVD) no início de junho, para ser testado em outras televisões públicas. O objetivo da equipe que desenvolve o projeto é acrescentar novas funções que possam ser integradas aos conversores de sinal que serão distribuídos aos beneficiários do Programa Bolsa Família.

André Barbosa, coordenador-geral do Projeto Brasil 4D e superintendente executivo de Relacionamento da EBC

“Estamos em contato com a Rede Minas, de Minas Gerais, e a TV Cultura, de São Paulo, para continuar os testes com os telespectadores que integram o programa Bolsa Família do governo federal”, explica André Barbosa, coordenador-geral do Projeto Brasil 4D e superintendente executivo de Relacionamento da EBC.
A expectativa da equipe da EBC é que os testes sejam retomados antes de novembro, quando será feito o desligamento do sinal analógico de TV em Rio Verde (GO).
Nas duas vezes em que foi testado – em João Pessoa, na Paraíba (2012-2013), e em dois municípios do Distrito Federal, no ano passado –, o Brasil 4D permitiu que os beneficiários do Bolsa Família fizessem consultas sobre vagas de emprego, capacitação profissional e outros serviços públicos nas áreas de saúde, educação, segurança e transporte, além de serviços bancários e cursos técnicos. Os resultados dos testes proporcionaram ao projeto inúmeros prêmios nacionais e internacionais – incluindo o conceituado “Prêmio Frida”, em 2014, oferecido pelo Fondo Regional para la Innovación Digital en América Latina y el Caribe.

Boletim escolar na TV
A novidade nos novos testes que devem ser iniciados com cem famílias em Belo Horizonte, tão logo seja sacramentado o acordo entre a EBC e a Rede Minas, é focada na educação.
“Os pais vão poder acessar o boletim escolar do filho pela televisão e, constatada dificuldade em alguma disciplina, acessar a aula de reforço na própria TV, usando somente o controle remoto e sem necessidade de conexão com a Internet”, exemplifica Barbosa, acrescentando que as aulas de reforço ainda estão em estudo e dependem de um acordo com a Telecomunicações Brasileiras S.A. (Telebrás) para que seja liberado espaço em uma nuvem da empresa estatal para o armazenamento de dados.
O Brasil 4D é o primeiro projeto de uma televisão pública do mundo a oferecer serviços por meio da televisão aberta, digital e interativa. Desde que foi testado em João Pessoa (PB), ganhou relevância e notoriedade, transformando-se numa referência em programas de integração social e redução de desigualdades.

• Com Fórum SBTVD