• PT
  • EN

SES e Oi TV transmitirão a Copa do Mundo em 4K

Oi TV oferecerá aos seus assinantes os jogos da Copa do Mundo em UHD e recursos de catch-up TV para gravação em 4K

Empresa brasileira anunciou que transmitirá os jogos da próxima Copa do Mundo Rússia 2018 que se realiza em junho próximo com tecnologia 4K utilizando, como já tinha sido anunciado a Revista da SET, a solução Ultra HD da SES do novo satélite SES-6.

Jurandir Pitsch, VP de Vendas e Desenvolvimento SES Vídeo na América Latina e Caribe, tinha afirmado em janeiro passado que isso seria possível “com o lançamento de nossa nova plataforma Ultra HD da América Latina – a mais recente solução inovadora desenvolvida sobre a robusta rede de infraestrutura espacial e terrestre da SES. A rede da SES permitirá a entrega eficiente de conteúdo HD, Ultra HD e OTT ao público em toda a região”.

Agora com o anuncio de diretor de produtos residenciais da Oi, Ermindo Cecchetto,é oficial que a OI TV utilizará o sinal e distribuirá aos seus usuários além de fornecer nos seus set-top boxes denominado PVR que será disponibilizado gratuitamente para nos novos clientes da operadora de TV por Assinatura.

A OI TV afirmou que está em negociação com a Sportv, canal de TV paga da Globosat, que transmitirá os jogos da Copa que começa no dia 14 de junho de 2018, e terá 56 dos 64 jogos da competição com geração, produção e distribuição em 4K.

Para a recepção  os clientes da Oi TV precisam ter uma TV 4K com input HDMI que suporte 4K. Até agora a única forma de assistir a Copa em 4K seria por meio do aplicativo “Sportv 4K na Rússia” precisando de uma banda mínima de 30 Mb/s.

SES-6

O SES-6 e um satélite geoestacionário localizado na posição orbital, 40.5º W, que é utilizado para a transmissão de mais de 230 canais e chega a mais de 22 milhões de clientes.

O dispositivo, lançado em 2013, possui 38 transponderes de banda C, e 36 transpondedores de banda Ku de alta potencia para Brasil, região andina, a América do Norte, o México, a América Central e o Caribe. O satélite é maior que o NSS-806 – seu antecessor-  com feixes direcionados de banda KU para América do Sul. Na Copa Brasil 2014 as transmissões em 4K foram realizadas com este satélite.

Mais informação:

Por Fernando Moura, em São Paulo