• PT
  • EN
  • ES

CBF aguarda apenas chegada de equipamentos para implantação de árbitro de vídeo

ALBERTO PIZZOLI/AFP/Getty Images

Fonte: Esporte Interativo

A CBF busca a implantação de árbitros de vídeo no Campeonato Brasileiro o quanto antes. Um fator, no entanto, está impedindo a ação: a entidade ainda não tem os equipamentos necessários, que são importados da Europa.

Após a partida do Corinthians diante do Vasco, que contou com gol de mão do atacante Jô, a CBF anunciou que a novidade seria implantada já na última rodada. Poucos dias depois, no entanto, voltou atrás.

Algumas ligas, como a da Itália (foto) e dos Estados Unidos, já utilizam a tecnologia no esporte. Na fase de semifinal ou final, a Libertadores também contará com a utilização do vídeo.

O ex-árbitro e instrutor da CBF para a implantação do vídeo, Manoel Serapião Filho, afirmou que mesmo após a chegada dos equipamentos, ainda levará um tempo para a implantação do árbitro de vídeo.

“Os equipamentos não estão no Brasil ainda, estão sendo importados e isso demanda um tempo. A CBF tem feito todo o esforço com as empresas que estão em parceria para chegarem o mais rápido possível. Quando chegarem, terão de ser testados. Os técnicos têm de ter domínio sobre todos os comandos. Depois disso, vamos em frente”, disse, ao Globoesporte.com.

A CBF realiza o treinamento de 64 profissionais da Série para a capacitação no vídeo. No país, Wilton Pereira Sampaio é o árbitro com mais experiência no quesito, já que participou do Mundial sub-20 justamente nessa função.