• PT
  • EN
  • ES

SET EXPO: Congresso de Tecnologia foca em IP, desafios do mercado e UHDTV

Falta pouco mais de um mês para o SET EXPO 2017. Neste ano, a 29ª edição do Congresso de Tecnologia terá como carro chefe a tecnologia para mídia e assuntos regulatórios brasileiros. Também estarão em evidência os desafios para o setor de negócios com a mudança do comportamento do espectador da televisão aberta.

“O que há de diferente hoje é que a TV está com uma preocupação muito maior com o espectador, que passou a ser também usuário de outros serviços de mídia audiovisual. E ele não é apenas um consumidor, mas também interage com a programação oferecida. Os conteúdos que há poucos anos atrás só chegavam pela TV aberta ou à cabo chegam hoje por n maneiras (celular, smart tv, streaming, download etc.), gerando um mercado muito competitivo”, explica o Coordenador da Grade de Programação do Congresso SET EXPO, Celso Hatori.

Para montar a grade de programação, ao longo do ano a diretoria da SET visita as mais importantes feiras nacionais e internacionais em busca de tópicos que estão nos maiores congressos mundiais. Na grade preliminar desta edição, constam tracks existentes em Congressos como IBC, NAB, CES, MEDIA STREAMING.

“Por outro lado, o SET EXPO engloba os assuntos do momento no mercado nacional. Para a 29ª edição do Congresso de Tecnologia selecionamos assuntos de padrões técnicos, entrega de conteúdo digitalmente (OTT, streaming on demand), switch-off, migração do rádio AM/FM, acessibilidade, e toda abordagem no enfoque mais moderno possível existente no mercado”.

Produção em IP

Os engenheiros de TV terão que aderir a esse mundo de tecnologia da informação, que não só facilita a produção em si como barateia os custos. “A tecnologia permite que se use equipamentos de prateleira para montar a estrutura de produção e edição a um custo mais barato e de muita eficiência. Entretanto é um mundo pouco conhecido e, no nível que a TV exige, precisa ter um controle de qualidade muito bom”, explica Hatori.

Painéis relacionados: Gerenciamento e workflow; avaliação e controle de qualidade em produção IP; Produção ao vivo IP: Status, evolução e melhores práticas

Segurança

Outro tema em evidência é a segurança no mercado audiovisual. “É questão prioritária e que vem ganhando espaço na parte de transmissão audiovisual e broadcast, que usa a rede para enviar conteúdo”, explica Hatori.

Painéis relacionados: Segurança da informação e privacidade dos dados (incluindo IoT).

Produção

O mercado de produção tem se reinventado com as tecnologias UHD e HDR, que são relacionados à produção de imagem. Muitas emissoras já estão fazendo produção neste formato e encontram desafios na qualidade de transmissão, que exige banda maior.

Painéis relacionados: Cases de produção em 4K.

Inovação e tecnologia disruptivas (realidade virtual, novas tecnologias relacionadas às mídias sociais)

Englobará a maior aproximação do mercado de tecnologia com os criadores de conteúdo.

Painéis relacionados: Inteligência Artificial e Entretenimento; Fazendo a Realidade Virtual uma realidade; o futuro do 5G para conteúdos de TV.

Além destes assuntos, o 29º Congresso de Tecnologia abordará temas de rádio, produção, transmissão, novas plataformas e infraestrutura.

“A importância do SET EXPO está consolidada por ser um mix brasileiro dos grandes tópicos que estão presentes nas feiras de tecnologia mundial. Para que eles tenham uma maior correspondência com o mercado brasileiros, nós da SET os adaptamos para que não deixem de atender às necessidades nacionais, mas incluímos também os principais assuntos de tecnologia, como ATSC 3.0, transmissão em 4/8K e novidades como drones, realidade virtual e aumentada”, explica o Diretor de Tecnologia da SET, Carlos Fini.

A grade de programação do 29º Congresso de Tecnologia está em constante atualização. Para acessar seu conteúdo, clique aqui.

Inscrições para o 29º Congresso de Tecnologia neste link.

Para mais informações sobre o SET EXPO 2017, clique aqui.