• PT
  • EN

Presidente da Ancine se reúne com representantes do MCTIC e ANATEL

Na tarde da última quarta-feira, 10, o presidente da Agência Nacional de Cinema (Ancine), Cristian de Castro, teve reuniões com Maurício Pazini Brandão, Secretário de Tecnologia Aplicada do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), e com o presidente da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), Leonardo Euler de Morais.

 

ANATEL

Um dos assuntos que nortearam a conversa entre Castro e Moraes foram as ações conjuntas realizadas no Rio de Janeiro contra a pirataria.  Receptores ilegais de televisões foram apreendidos.

Outros temas debatidos foram a análise da fusão das empresas AT&T e Time/Warner e a transferência do escritório-sede da Ancine em Brasília para o mesmo prédio da Anatel.

 

MCTIC

Na reunião com Brandão, Castro mostrou as soluções mais recentes de tecnologia que a Ancine vem adotando para melhorar o acompanhamento dos processos audiovisuais.

Desde março do ano passado, a Agência Nacional de Cinema, em parceria com o BNDES, utiliza tecnologia Blockchain para acompanhar a execução dos recursos públicos. Dessa forma, é possível acelerar a prestação de contas, o que acarreta um tempo maior de controle, confiança e transparência.

Na manhã do dia 12 de abril, sexta-feira, foi a vez de Castro se reunir com Vitor Elísio Menezes, Secretário de Telecomunicações do MCTIC. O assunto da reunião foi o combate à pirataria.

O presidente da Ancine, Cristian de Castro, explicou que, em junho de 2018, foi criada a Câmara Técnica de Combate à Pirataria com o principal objetivo captar recurso de setores que tenham interesse em combater a prática de pirataria.

Os textos completos estão linkados a seguir: ANATEL pirataria; MCTIC Blockchain; MCTIC pirataria.