• PT
  • EN
  • ES

Grupo de Acessibilidade da SET finaliza revisão das normas ABNT

O Grupo de Boas Práticas e Acessibilidade da SET reuniu-se, em São Paulo, para finalizar a revisão da norma pública de acessibilidade da ABNT e definir sobre a sua publicação, prevista para acontecer ainda neste ano. “Nos últimos dois anos colhemos informações essenciais com os segmentos envolvidos e conseguimos estabelecer uma versão mais adequada para o cenário atual da acessibilidade na radiodifusão, que agora inclui a TV Digital”, explicou o coordenador do grupo, Edson Moura (SET/ABNT)

A norma técnica vigente foi elaborada quando a TV Digital ainda não havia sido estabelecida. “Dessa forma,estava desatualizada quanto à usabilidade dos recursos de closed caption, libras e audiodescrição”, explicou Moura.

O Grupo de Estudos da SET existe desde o segundo semestre de 2014 e é composto por usuários que necessitam dos recursos de acessibilidade, parte técnica das produtoras da tecnologia e receptores, órgãos públicos (Ministério Público, Secretaria de Desenvolvimento e Anatel), bem como a comunidade universitária e acadêmica,  que contribui na parte de propostas de usabilidade, as empresas de radiodifusão e empresas de SeAC.

O próximo passo do grupo de acessibilidade da SET será estudar critérios de qualidade para avaliar o serviço de libras. “Atualmente existem diferentes maneiras de se comunicar por meio da linguagem de libras. O nosso próximo desafio será estabelecer delimitações para um parâmetro de qualidade em território brasileiro, que facilite a comunicação entre as pessoas que se utilizam do recurso”, explica.

A próxima reunião deve acontecer no mês de fevereiro de 2017. A participação é gratuita, mas haverá convocação pública no site da SET para os interessados.

“Fico muito grato de fazer parte do grupo que desenvolve um tipo de trabalho bastante importante e que diz respeito a toda a sociedade. As pessoas contempladas com as normas de acessibilidade não costumam ser lembradas e acabam sendo extremamente desfavorecidos quando se trata de tecnologia. Nosso papel é incluí-los, o que torna o trabalho muito gratificante”, analisa o engenheiro e integrante do grupo, Fernando Nero, da Rede Globo.

Sobre o Grupo

O Grupo de Boas Práticas e Acessibilidade da SET nasceu para discutir e aprimorar normas existentes que favoreçam a inclusão social no âmbito do broadcast. “Para ser parte da sociedade é preciso estar informado, e quando não se consegue informar alguns grupos, acontece a exclusão. Como instituição, a SET quer garantir que todas as pessoas tenham o acesso a essas informações, e não apenas determinados grupos”, esclarece Edson Moura.

Fernando Nero , Edson Moura e Álvaro Almeida

Fernando Nero , Edson Moura e Álvaro Almeida