• PT
  • EN
  • ES

Cronograma para o desligamento do sinal analógico em SP deverá ser mantido

O Ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab, afirmou em reunião com representantes da Abert que o desligamento da TV analógica em São Paulo seguirá o cronograma inicial, definido para no mês de março de 2017.

“O fim do sinal analógico de TV em São Paulo seguirá o cronograma inicial e confirmará o compromisso do governo com o setor de radiodifusão e com a população para oferecer serviço de qualidade, tanto da televisão como da telefonia em banda larga”, afirmou.

Na reunião, o presidente da Abert, Paulo Tonet Camargo, apresentou um balanço do setor e revelou que a radiodifusão no país teve um grande impulso neste ano. Segundo ele, o fim do sinal analógico em Brasília e a autorização para cerca de 300 rádios AM migrarem para a frequência FM foram avanços esperados há algum tempo.

“Estamos cientes do papel do setor especialmente na geração de emprego e no crescimento econômico do país, e o governo federal mostrou que reconhece essa importância destravando algumas pendências que ocorriam por um bom tempo”, disse o presidente da Abert.