• PT
  • EN
  • ES

EM DIA

Antenas da região da Paulista causam problemas
De vez em quando as antenas localizadas na Avenida Paulista voltam a ser notícia, novamente uma grande polêmica se instaura entre as emissoras e os moradores da região. Em entrevista ao jornal Folha de São Paulo, vários moradores e hospitais da região contaram sobre a interferência causada pelas antenas.
Teclados musicais, telefones públicos, balanças eletrônicas e aparelhos de eletrocardiograma, sentem o efeito da radiação e tem mudado a forma de portar-se de muitos profissionais e de algumas pessoas. Segundo algumas empresas responsáveis pela medição de radiação, o nível ainda está no permitido pela lei, mas as pessoas já querem alguma definição sobre o futuro da região.
Em entrevista, a Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações), que atualmente fiscaliza a instalação de antenas na capital, falou que não existe indícios de que a exposição à radiação das antenas cause doença, porém alguns hospitais da região, já tomaram suas providências, instalando “gaiolas de Faraday”, telas que bloqueiam a radiação e evita a interferência eletromagnética em aparelhos.
Mesmo assim, a Sempla (Secretaria Municipal de Planejamento), estuda regras para disciplinar a instalação de antenas.
Já a Associação das Emissoras de Rádio e Televisão de São Paulo, acredita que o Ministério das Comunicações deve rever as licenças para a instalação de antenas, com o intuito de evitar excessos.

Parceiras na TV móvel
A Kingstone e a Actimagine, firmaram acordo para que os usuários de celulares, com capacidade de expansão de memória possam ver filmes em formato integral, além de programas de TV e videoclipes.
Segundo as empresas, todas esses pontos podem ser atingidos com o uso do sistema da Actimagine, que dispõe de cartões de 128 MB de memória, para displays de telefones móveis, permitindo a visualização de conteúdo de vídeo com até 30 quadros por segundo.
Para os empresários, o principal objetivo é oferecer ao usuário final uma experiência de vídeo igual ao da TV, por mais de seis horas, sem a necessidade de recarga de bateria.

Demostração de sinal digital
O Laboratório de TV Digital da Universidade Mackenzie realizou entre 23 e 25 de maio, uma amostra de recepção em TV digital em TV´s HD e SD utilizando o Digital Multicast Multiband Broadcasting TV Digital.
Na primeira TV, um LCD de 42”, foi recebido um sinal digital HD veiculado pela TVA através do sistema MMDS, na segunda, um receptor de 32”, o sinal HD teve como servidor uma CPU de alta qualidade, instalada ao lado do monitor.
Nos outros aparelhos o sinal recebido foi gerado por um transmissor digital da universidade por um canal de UHF adaptado para oferecer baixa potência. No DLP de 71”, o sinal foi captado através de uma antena interna de UHF e sem necessidade de set-top box, já que o aparelho estava preparado para a recepção HD.
No plasma de 42”, fez-se necessário a instalação de um set-top box. A última TV foi um CRT, com set-top box e não preparado para o HD.
As imagens de todos os televisores foi qualificada como boa, incluindo o último aparelho, que não apresentou sombras, fantasmas ou chuviscos na sua imagem.

Brasil cai no ranking mundial de tecnologia
Segundo o Fórum Econômico Mundial, o Brasil caiu seis posições no ranking de tecnologia, o país foi do 46o. lugar para a 52a. posição. Já a revista inglesa The Economist, que listou os 68 países desenvolvidos tecnologicamente, o Brasil ficou em 41o. lugar, no ano passado estava em 38o.
O ranking do Fórum compara o impacto da tecnologia e das comunicações no processo de desenvolvimento e de competitividade de 115 países, no entanto, a queda do Brasil no ranking, não significa que o país piorou, mas sim que não teve uma evolução tão acentuada quando os outros países.
Dos países latinos, o Brasil ficou atrás somente do Chile, que ocupou a 29a. colocação, mas o grande problema é que esta é a segunda queda do país nesse estudo.

Presidente assina decreto para transmissão da Copa
No dia 9 de maio, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, assinou um decreto garantindo aos brasileiros que usam antena parabólica, que assistam aos jogos da Copa do Mundo.
De acordo com o ministro das Comunicações, existem 14 milhões de antenas parabólicas, no país, a maioria na região Nordeste, o decreto beneficiará mais de 50 milhões de pessoas.

Empresas fecham parceira para transmissão digital da Copa
Mesmo o Brasil não tendo definido o sistema de transmissão digital, alguns telespectadores poderão assistir aos jogos da Copa com recursos dessa tecnologia, em um acordo firmado entre a Gradiente, TVA e Bandsports, as empresas anunciaram a transmissão de jogos em alta definição.
O público de São Paulo poderá assistir aos jogos com resolução digital (1080i) em widescreen e som Dolby Digital 5.1 canais, no entanto é necessário um televisor compatível com o sistema e a compra de um decoder Gradiente DVI. O fabricante deu início a uma campanha promocional para venda de sua TV de plasma.
A produtora de vídeo Casablanca será a responsável por trazer o sinal HDTV da Alemanha para o Brasil, porém a infra-estrutura será da TVA Digital, com cabos e MMDS.

Polycom e Skype fecham acordo
As empresas Polycom, fornecerdora de soluções de comunicações colaborativas unificadas e a Skype anunciaram um acordo para oferecer soluções para os usuários do sistema Skype.
O primeiro produto dessa união é o Polycom Communicator, aparelho viva-voz USB, que oferece comunicação bi-direcional nas conferências de áudio e vídeo da Skype.

Empresa aérea oferece dados on-line
Os clientes da United Airlines poderão receber em seus celulares ou PDAs, informações sobre vôos, trajetos, situação no plano de milhagem e outros dados.
As informações serão oferecidas gratuitamente por meio do serviço on line AvantGo, também fornecerá guias de cidades, mapas e a previsão do tempo em locais de destino, em parceria com a iAnywhere.

Brasil Telecom lança conexão discada com tarifa fixa
A empresa Brasil Telecom anunciou no final do mês passado, o lançamento de tarifa fixa para os usuários de conexão discada, chamada de Internet Toda Hora, o serviço não estabelece limite de tempo ou quantidade de dados.
Com isso, a empresa permite o livre tráfego de mensagens de e-mail, downloads, a qualquer hora do dia ou da noite, por apenas R$ 29,90.
O Internet Toda Hora está disponível em Campo Grande (MS), Cuiabá (MT), Curitiba (PR), Brasília (DF), Goiânia (GO), Blumenau (SC), Florianópolis (SC), Pelotas (RS) e Porto Alegre (RS).

Novo comunicador pessoal com tecnologia VoIP
Os provedores iG, BrTurbo e iBest lançaram o comunicador pessoal Lig, que permite a conversação via tecnologia VoIP em tempo real de computador para computador, em banda larga ou acesso discado.
O Lig é totalmente gratuito e os clientes dos provedores só precisam baixar o aplicativo, já os internautas que não possuem cadastro nesses provedores, terão que faze-lo gratuitamente para poder ter acesso ao programa.
O iG selecionou para parceria, a empresa mineira ComunIP, que fez o desenvolvimento da plataforma IP, segundo dados, a engenharia do produto traz conceitos da Web 2.0, que se baseia na tecnologia Ajax, reforçando a interatividade das aplicações Web.

Telefonia IP na Copa
A eficiência na comunicação será uma grande aliada dos jornalistas na Copa da Alemanha. O sistema IP será responsável por 80% do tráfego de voz gerado durante o mundial.
Na Copa de 2002, realizada na Coréia do Sul/Japão, o volume de dados era de apenas 50%, mesmo assim garantiu à FIFA uma economia de US$ 200 mil.
A rede implantada pela norte-americana Avaya atenderá além de toda a equipe da FIFA, mais 15 mil voluntários e 15 mil jornalistas, que terão 99,99% de segurança e agilidade na transmissão de dados.
Além disso, os estádios ainda contam com uma rede física que concentra a transmissão de voz e dados e equipamentos de rede sem fio, que transforma o estádio em um hotspot, que permite a conexão sem fio de qualquer ponto da arquibancada.

Embratel se prepara para transmitir a Copa
Os jogadores brasileiros entram em campo somente em junho, mas a Embratel, responsável pela transmissão dos jogos, começou desde o ano passado a se preparar para a Copa do mundo.
A empresa de telecomunicação é quem transmitirá sinais de TV, dados e voz, via satélite e via cabos ópticos internacionais.
O Ponto de Presença da Embratel, espécie de quartel general, ficará no interior do complexo de telecomunicações de Munique. Esse Ponto de Presença, tem capacidade de 155 Mb/s de conexão e funcionará 24 horas por dia.
Para evitar problemas de transmissão, a rede de fibra de óptica internacional será redundante, por rotas distintas e com comutação automática de tráfego, o que dará maior confiabilidade ao sistema.