• PT
  • EN
  • ES

Carta ao leitor

CARTA AO LEITOR

José MunhozFinalizamos o ano com a sensação de missão cumprida! Cumprida porque conseguimos levar até você leitor cinco edições da Revista da SET. Fizemos a edição 124 com o objetivo de fechar o ano com chave de ouro. Por isso, nossa matéria principal “Os caminhos da TV no Brasil” faz uma retrospectiva da história da Televisão no país e divulga quais são as perspectivas para ela, tendo em vista todas as ações governamentais e tecnológicas que aconteceram em 2011.

Ao longo deste ano, nossos entrevistados para as páginas de entrevista, os diretores da SET, nos proporcionaram leituras dinâmicas ao falarem sobre suas áreas. Nesta edição, nós tivemos o prazer de falar com o diretor de interatividade da SET, David Britto, que discorre com propriedade sobre o tema interatividade e defende o Ginga.

Nossa redação e nossos colaboradores procuraram durante o ano abordar temas atuais e de interesse, além das coberturas que demos ao nosso Congresso SET e aos eventos de outras entidades, como NAB, ABTA, IBC. Os seminários também foram temas constantes em nossa revista. Desta vez, trouxemos o evento preparado pela Converge sob o tema TV.APPS que tratou das TVs Conectadas e do middleware Ginga.

Com muito bom humor Ronald Barbosa, nosso diretor de Rádio, escreveu seu último artigo de 2011. Além de nos relatar o IV Congresso de Rádio e Televisão do Rio de Janeiro e Espírito Santo, ele nos leva a refletir sobre as questões do Rádio. As reflexões começam a partir do título de seu artigo inspirado em uma frase do rabino Nilton Bonder: “Melhor a viagem que nos faz vulnerável do que a segurança que nos rouba o caminho”. Em seu texto Ronald nos indaga sobre muitos temas, entre eles, o futuro do Rádio no Brasil.

Sob a supervisão de nosso revisor técnico Alberto Paduan, Nádia Hatori fecha o ano da seção PPP com o tema “Exibição do programa pronto e avaliação da audiência”. Ela faz uma análise do que é necessário para exibir um programa, bem como a função dele e como trabalhá-lo para que sua audiência seja alta.

Uma experiência muito interessante nos relata o engenheiro Edgard Pakes, da Anatel, sobre a investigação para descobrir a fonte de interferência na frequência de 1090 MHz no radar da Aeronáutica. A equipe da Anatel descobriu que a fonte era uma inofensiva câmera de segurança instalada na frente de uma casa. Edgar nos alerta para estes dispositivos que devem ser homologados pela Anatel.

Do Brasil diretamente para China, mais especificamente, Xangai. Esse foi o trajeto da presidente da SET, Liliana Nakonechnyj, para representar a entidade na FOBTV. A engenheira Ana Eliza nos conta como foi essa experiência, qual foi a finalidade e a conclusão deste encontro que contou com mais de 200 representantes do mundo, no setor de radiodifusão.

Na coluna CBC, Thiago Aguiar fala sobre a coordenação de estações de TV digital em zonas de fronteiras com os países do Mercosul. Este instrumento irá estabelecer os parâmetros técnicos a serem utilizados para a harmonização de estações de TV em UHF, tanto analógicas como digitais.

E para fechar o balanço de vez, o Inside SET traz a participação do vice presidente da SET Olimpio Franco, no evento que selou a parceria da Hitachi Kokusai e Linear. A seção também mostra o balanço dos trabalhos da SET nesse ano de 2011 e os planos para 2012, que foram discutidos durante a última reunião de diretoria da entidade.

Desejamos a todos uma boa leitura e um feliz Ano Novo!

Valderez de Almeida Donzelli – Diretora editorial – email: valderez@set.com.br