• PT
  • EN

TV Cultura migra suas operações de playout para o sistema de controle de automação Marina de Pebble Beach Systems

A rede de televisão atualiza junto a Videodata o seu ambiente de automação para obter mais eficiência e flexibilidade com uma infraestrutura preparada para o futuro

 

Fernando Khalaf, Operador Controle Master da TV Cultura / Foto: Divulgação

Pebble Beach Systems anunciou que a TV Cultura está migrando suas operações de plpara a solução de automação Marina Lite da Pebble Beach Systems. A emissora implementou há mais de 10 anos uma solução de automação de playout Neptune da Pebble Beach Systems junto com a Videodata, integradora de sistemas sediada em São Paulo, para garantir a migração para um moderno sistema de automação Marina Lite 4R com Lighthouse, um painel baseado na web que oferece gestão e monitoramento remoto.

Agora a Videodata implementou uma estratégia de migração flexível e inteligente, que segundo os executivos da integradora “foi projetada para causar pouca ou nenhuma interrupção nas operações da TV Cultura, migrando perfeitamente a base de dados do Neptune da emissora para a nova plataforma Marina. Além disso, como as playlists do Neptune podem ser abertas de forma nativa no sistema Marina, e tanto o Neptune quanto o Marina podem se comunicar com o mesmo arquivo e NLS em paralelo, os operadores podem continuar trabalhando normalmente sem interrupções e com treinamento mínimo durante o processo de migração”.

A instalação possui duas salas de controle mestre, cada uma operando dois canais e quatro switchers de controle mestre GV Maestro, servidores de vídeo GV K2 e um roteador Jupiter. O Marina, também, controlará o fluxo de trabalho de ingest da TV Cultura.

O sistema foi projetado com redundância total para automação, playout e banco de dados. Além de oferecer uma melhor integração com o sistema de tráfego o que permitirá agilizar a migração dos seus fluxos de trabalho de aprovações e a gestão de mídia, bem como seus fluxos de trabalho de web e legendas ocultas. Além disso, o Marina oferecerá maior flexibilidade para os operadores na criação de layout e fornecerá relatórios e registros detalhados para cada dispositivo e usuário.

“A TV Cultura é reconhecida como uma pioneira em transmissão e estamos constantemente procurando maneiras de melhorar nossas instalações e fluxos de trabalho pensando no longo prazo. Nosso sistema de automação Neptune trabalhou muito bem ao longo da última década, portanto o próximo passo óbvio era uma atualização para o mais recente Marina. A transição não é apenas ininterrupta, mas também estamos confiantes de que é a tecnologia adequada para nos ajudar a crescer e a enfrentar os desafios da próxima década e além”, explicou Gilvani Moletta, diretor de Engenharia e Tecnologia da TV Cultura.

Com o Lighthouse, a TV Cultura ampliará a funcionalidade de Marina para usuários de negócios, equipes operacionais e engenheiros, dentro e fora das instalações. A interface baseada na web fornecerá ferramentas de monitoramento, gestão de mídia e configuração do sistema, oferecendo acesso a ações corretivas e status em segundos, mesmo fora da sala de controle.

“A TV Cultura foi um dos primeiros clientes da Pebble na América Latina”, afirmou Marcelo Blum, gerente de Sistemas e Tecnologia da Videodata, reforçando que “é sempre uma experiência gratificante trabalhar com um cliente com visão de futuro durante um longo período de tempo e ajudá-lo a evoluir e atualizar sua tecnologia sem grandes interrupções no fluxo de trabalho”.

Pela sua parte, Tom Gittins, diretor Comercial da Pebble Beach Systems, disse a imprensa que “o sistema Marina Lite está provando ser popular na América Latina, onde é usado para fornecer automação de playout e controle mestre para clientes que estão atualizando ou substituindo suas plataformas de primeira geração. Ele oferece uma solução acessível para os clientes que buscam um sistema de controle de playlists robusto, resiliente e sofisticado que possa crescer com suas necessidades operacionais e orçamentos. Estamos muito satisfeitos com o fato de a TV Cultura ter escolhido novamente depositar sua confiança na companhia”.

TV Cultura

A emissora possui quatro canais principais já que emite em simulcast pelo sistema de TV Digital transmitindo notícias nacionais e regionais, programação cultural, música, programas infantis e documentários. Também oferece canais web e transmite conteúdo educacional da Universidade Virtual do Estado de São Paulo. Todos os canais contam com mais de 126 milhões de espectadores em todo o Brasil.

Por Fernando Moura, em São Paulo