• PT
  • EN

Projeto integra Optical Disc Archive e Media Portal

SET Expo Parte II

Para comemorar a finalização do projeto foram oferecidas placas comemorativas as empresas envolvidas no projeto

A Media Portal em parceria com a VideoData, empresa integradora de sistemas, e a Sony do Brasil, anunciaram durante a SET EXPO 2017 a realização do projeto para a TV Assembleia do Ceará, “o primeiro do Brasil a utilizar a integração entre a solução da Media Portal e o sistema de arquivamento da Sony, o ODA (Optical Disc Archive)”, explicou Fábio Tsuzuki, CEO da Media Portal.

Tsuzuki disse à reportagem da Revista da SET que “participar de projetos inovadores e buscar as melhores soluções para nossos clientes faz parte do DNA da Media Portal, e o projeto da TV Assembleia é um marco em nossa história”.

O projeto começou a ser desenhado no primeiro semestre do ano quando a Assembleia Legislativa do Ceará iniciou o projeto de modernização da emissora que visava à transmissão em padrão HD, e o gerenciamento dos acervos que até então eram arquivados em DVDs.

A parceria tecnológica entre a Apoio Técnico e a Videodata integrou o sistema Media Portal, e o arquivamento passou a ser feito em Optical Disc Archive (ODA) da Sony, “permitindo maior segurança e robustez no arquivamento. Além do material produzido pela TV, o sistema também poderá ser expandido para arquivar as sessões plenárias”, explicou Rosalvo Carvalho.

Tsuzuki ressaltou que “a recuperação desses vídeos é facilitada através do uso de inteligência artificial aplicada em sistemas de análise inteligente de vídeos. Todos os fluxos de produção passaram a ser em formato digital e muitos deles são gerenciados pelo Media Portal: arquivamento de material exibido, editado, e bruto para formação de um acervo stock shot; recuperação de conteúdo para reexibição, recuperação de conteúdo do stock shot; dentre outros fluxos”.

O sistema, disse o executivo, permite uma integração plena “online” da gestão de conteúdo com as ilhas de edição e o centro de exibição, porque “o Media Portal também opera de forma integrada com mecanismos de transcrição de voz para texto gerando a decupagem do conteúdo automaticamente”.