• PT
  • EN
  • ES

Controle Mestre

Hertz da Silva (Harmonic) começou a sua apresentação explicando aos participantes que, após a compra de empresa Thompson pela Harmonic, realizou-se a fusão das companhias e, desde o dia 3 de setembro de 2016, a Thompson deixou de existir.

As duas empresas, agora, são apenas Harmonic.

Na palestra “iMCR: um novo conceito para o controle mestre”, o executivo da Harmonic analisou o que muda no workflow de uma emissora quando se introduz o conceito e a tecnologia IP, assumindo que, com o “iMCR, muda o paradigma e a forma de trabalhar dentro de uma emissora de TV”.

A nova concepção apresentada por Silva passa por um conceito de um controle mestre integrado no qual é possível trakear e integrar o controle mestre ao workflow, permitindo operar com um playout integrado, utilizando um channel-in-a box, “com uma solução única que trabalha com software-based e que nos limita em algumas coisas, mas, como é uma solução de software, ela pode ir evoluindo à medida que as soluções apareçam”.

“O ponto de partida é o ICP, que depois pode permitir a uma geração ser mais flexível, fácil e ágil, e trazer, com a inclusão do grafismo, uma hipótese de entrada de receita adicional com a introdução de publicidade inserida localmente”, referiu, e reforçou que, como a solução se baseia em software, ela pode ser escalável e criar novas oportunidades de acordo com as necessidades e os requerimentos do usuário.