• PT
  • EN

NAB 2019: Blackmagic apresenta HyperDeck Extreme 8K HDR

Empresa australiana surpreende a indústria e apresenta vários produtos em 8K na última edição da NAB realizada no Las Vegas Convention Center

Foto: Fernando Moura, em Las Vegas

O novo HyperDeck Extreme 8K HDR combina a tecnologia HyperDeck com as últimas inovações, como arquivos H.265 para economia de espaço, cache interno opcional, LUTs 3D, 8K nativo e suporte a HDR.

O novo dispositivo da empresa tem capacidade de gravar 8K nativo em H.265. A tela de toque grande garante a visualização da sua gravação, além do controle de todas as configurações do HyperDeck. Ainda, inclui uma interface do usuário em tela de toque inovadora com controles de deck.

A solução possui dois compartimentos de mídia, 12G-SDI de enlace quádruplo para 8K, conexões analógicas para arquivamento, gravação USB-C em disco externo, além de um alto-falante e conector tipo jack para fone de ouvido no painel frontal. Também “há um cache opcional que elimina quadros descartados caso sua mídia seja muito lenta ou fique cheia. Ambas conexões de energia AC e DC são incluídas, assim você pode configurá-lo para uso no estúdio ou em locação”, afirma o comunicado da empresa.

Revista da SET conversa ao vivo com Fabio Angelini da Pinnacle Broadcast/Blackmagic Design no SET e Trinta na #NABShow sobre o lançamento da linha 8K da Blackmagic DesignPor Fernando Carlos Moura e Francisco Machado Filho

Publicado por SET Brasil em Segunda-feira, 8 de abril de 2019

O HyperDeck Extreme Control permite que “o usuário controle decks antigos, defina um ponto de entrada e saída e, depois, edite. Basta adicionar um HyperDeck Extreme 8K e HyperDeck Extreme Control a cada deck antigo para manter ambos arquivando constantemente com um único operador. É possível, inclusive, editar com múltiplos formatos ao utilizar um Teranex Express para converter fitas de SD para HD em apenas um passo. Você pode controlar uma ampla variedade de decks, incluindo Digital Betacam 1, formato C de uma polegada e Betacam SP.

Por Fernando Moura, em Las Vegas