• PT
  • EN
  • ES

Seja Digital apresentará os aprendizados e os desafios do maior swicth off de sinal analógico de TV do mundo

andre_felipe_trindade_GIRED_SET

André Trindade, do GIRED, será o moderador do debate. Foto: LinkedIn.

O presidente da Seja Digital, Antônio Carlos Martelletto, o diretor técnico da entidade, Gunnar Bedicks; e Patricia Abreu, diretora de Comunicação; participarão de painel especial para falar da experiência adquirida em Rio Verde e do planejamento de atuação nas próximas cidades. Switch off do sinal analógico, remanejamento de canais, atuação para mitigação de possíveis interferências, processo de comunicação e mobilização da população são alguns dos temas a serem apresentados pelos executivos.

“O maior desafio é sensibilizar a população sobre o switch off e garantir que todas as famílias tenham acesso à tecnologia”, disse André Felipe Trindade, membro titular do GIRED, que fará a moderação do debate.

“Será uma oportunidade única”, afirma Martelletto. “Os profissionais que participarem do painel e visitarem nosso estande na SET EXPO 2016 terão acesso a informações técnicas sobre os bastidores de um processo que está colocando o Brasil no mesmo patamar de países como Estuados Unidos e Reuni Unido.”

Antonio_Carlos_Martelleto_EAD

Antônio Martelleto, presidente da EAD, falará sobre o desligamento da TV analógica no Brasil. Foto: divulgação.

O painel acontecerá no dia 29 de agosto, às 16h30, na sala 17 do Centro de Convenções do Expo Center Norte, em São Paulo. As inscrições estão abertas e podem ser feitas no site www.setexpo.com.br.

Sobre a EAD

A Seja Digital (EAD – Entidade Administradora de Processo de Redistribuição e Digitalização de Canais TV e RTV) é responsável por operacionalizar a migração do sinal analógico para digital da televisão aberta no Brasil. Criada por determinação da Anatel, tem como missão garantir que a população tenha acesso à TV Digital, oferecendo suporte didático, desenvolvendo campanhas de comunicação e mobilização social e distribuindo kits para TV digital para as famílias cadastradas em programas sociais do Governo Federal. Também tem como objetivos aferir a adoção do sinal de TV digital, remanejar os canais nas frequências e garantir a convivência sem interferência dos sinais da TV e 4G após o desligamento do sinal de TV analógico. Esse processo teve início em abril de 2015 e tem previsão de finalização em 2018, de acordo com cronograma definido pela portaria 378 do Ministério das Comunicações.

SET Comunicação
No Comments

Post a Comment