• PT
  • EN
  • ES

SET EXPO 2016 repleto de novidades

Prévia SET EXPO 2016 – 2016 Parte II

SET EXPO

Por Redação

Mais uma vez, é na transição entre os meses de agosto e setembro que o SET EXPO se realiza. Neste ano, a maior Feira de Broadcast & Novas Mídias da América Latina chega recheada de inovações. Entre os dias 30 de agosto e 1 de setembro, toda a cadeia produtiva do setor de broadcast – da produção à entrega – vem ao Pavilhão Vermelho do Expo Center Norte, em São Paulo, com soluções e modelos de negócio inéditos.
A Feira ocupa uma área de exposição de 15 mil m2, onde estão montados estandes das empresas referência no setor de equipamentos, tecnologias e serviços do mercado de radiodifusão, telecomunicações, audiovisual e novas mídias.
Esta área foi dividida em pavilhões temáticos e em pavilhões internacionais para facilitar a localização dos visitantes.
O objetivo do evento – composto, também, pelas Conferências SET EXPO – é apresentar e discutir as inovações técnicas, as regulações e os novos desenvolvimentos do mercado audiovisual, cobrindo toda a cadeia de produção, desde a criação até a distribuição.
Nos estandes da Feira, os principais fabricantes do mercado nacional e internacional exibem os seus produtos para um público que representa as maiores empresas do audiovisual e da radiodifusão. A seguir, assim como fizemos na última edição da Revista da SET (nº 161), apresentamos algumas novidades que os leitores podem encontrar no Expo Center Norte. Os principais anúncios e os principais lançamentos do audiovisual estão no SET EXPO 2016!

Snell Advanced MediaSnell Advanced Media (SAM) – empresa formada pela fusão de duas grandes companhias do mercado broadcast, a Snell e a Quantel, ambas baseadas na Inglaterra – chega ao SET EXPO 2016 com um portfolio de soluções que vai desde a produção e a pós-produção, até a infraestrutura, a edição, o MAM e o playout. A infraestrutura IP da companhia se baseia nos protocolos 2022 e TR03 e utiliza switches e COTS de mercado.
Entre as principais plataformas da SAM no Expo Center Norte estão o ICE Channel-in-a-Box, um sistema de controle mestre, exibidor, processamento interno e GC com recursos para um ambiente de playout; o Morpheus Automation, uma solução escalonável multi-channel para automação de playout que se integra com o MAM Momentum, com o ICE Channel-in-a-Box e, de forma agnóstica, com equipamentos de outros players; o switcher Kula, que será demonstrado nas versões de 1ME e 2ME pela primeira vez no Brasil após o seu lançamento na NAB 2016; e o switcher de produção Kahuna, que junto ao seu painel modular Maverik possui recursos para média e alta produção.
Outros destaques da companhia no SET EXPO são o sQ Server, um sistema de ingest, edição e playout para operações de alta pressão que exigem agilidade no fluxo de trabalho como notícias e esportes; o LiveTouch Replay, que combina todos os elementos de criação para um fluxo de trabalho de produção ao vivo com highlights, replay, slow-motion e uma ferramenta de pós produção embarcada; e, por fim, o IQ Modular, que oferece uma gama de processamento de sinal para qualquer projeto de infraestrutura, manipulando interfaces de todos os tipos: vídeo, áudio, fibra, e IP.

NEWTEKA NewTek apresenta os seus sistemas de produção de vídeo multi-câmera no SET EXPO 2016 e convida os visitantes da feira a assistirem a uma exibição sobre o fluxo de trabalho IP da companhia, que funciona com o protocolo NDI™(Network Device Interface), tecnologia de transmissão de vídeo por rede da marca.
O estande da NewTek no pavilhão vermelho do Expo Center Norte é o 42B. Além das soluções IP, a empresa expõe também as suas três principais famílias de produção audiovisual: o TriCaster, um sistema integrado all-in-one que possibilita trabalhar com streaming ao vivo via Web; o 3Play, um sistema de replay e slow-motion para esportes e produções de todos os tipos; e o LightWave 3D, um software de efeitos visuais e animação para produções artísticas televisivas que, segundo a companhia, já “premiou muitos artistas e diretores de filmes e de estúdios com o Emmy Awards”.
A NewTek foi fundada em 1986 , pelo cientista, artista e músico Tim Jenison e “trabalha para tornar mais fácil e muito rentável para qualquer pessoa produzir conteúdo televisivo de qualidade, quer se trate de produção ao vivo e streaming, em câmera lenta, com replay instantâneo, gráficos em movimento e efeitos visuais”.

A Lemo apresenta ao mercado latino americano toda a sua variedade de produtos e soluções para transmissão em HDTV no SET EXPO 2016, com cabos montados, acessórios de racks, cabos especiais e conectores SMPTE 311 3K.93C. “Para aumentar a produtividade e reduzir os custos operacionais”, a companhia introduz também a Lemo Merkat Triax, um sistema de conversão de mídias que permite o uso de fibra óptica SMPTE 311 entre câmeras triaxiais e CCUs e unidades móveis. Outro destaque é o Lemo Multishack, que permite operar com até seis câmeras e pode ser individualmente alimentado a partir de uma fonte remota com um único cabo híbrido.
A companhia suíça iniciou as suas operações na América Latina em novembro de 2015, na cidade de Campinas, interior de São Paulo, onde conta com estoque, manufatura e reparo de cabos e conectores de fibra ótica, coaxiais, triaxiais e elétricos.
A Lemo é proprietária das marcas de conectores Redel e Coelver, além da fábrica de cabos especiais Northwire. Os conectores de push-pull, os conversores de mídia e os cabos especiais da companhia são encontrados em uma ampla variedade de ambientes de aplicações – como setores médicos, controle industrial, teste e medição, áudio e vídeo e telecomunicações.

A Advantech Wireless chega ao SET EXPO 2016 com a sua linha completa de soluções de broadcast em Ultra HD. “As soluções Advantech Wireless são projetadas para garantir uma transmissão via satélite confiável, mesmo em condições de tempo adversas e hostis. Os nossos sistemas de transmissão de dados de elevada capacidade e os nossos produtos de RF extremamente lineares, permitem a contribuição de TV móvel com alta e ultra definição para radiodifusores e operadores de rede satélite”, afirmam os desenvolvedores.
Entre os destaques da companhia no Expo Center Norte estão os sistemas de SSPA de segunda geração GaN, os modems SCPC e o A-SAT-II, com capacidade de comutação dinâmica. “São equipamentos críticos para transmissão broadcast e serviços com alta taxa de transmissão. Nossa solução de baixo custo atende a sempre crescente necessidade de comunicações de banda larga das empresas de radiodifusão. Integramos nossa engenharia de pesquisa e desenvolvimento em nossos projetos, resultando em soluções personalizadas com os menores custos operacionais e de capital, juntamente com o compromisso em liderar a indústria a nível de materiais, design e confiabilidade”.

A Hitachi Kokusai Linear apresenta as suas soluções end-to-end com destaque para a integração dos fluxos de trabalho nas emissoras. “Para o SET EXPO 2016, focamos na apresentação de soluções integradas para captação de vídeo, estúdio e produção; soluções para transporte de sinais; e soluções de transmissão de baixa e de alta potência”.
A redução dos custos de energia elétrica será outro tema exposto pela empresa em seu estande no Expo Center Norte.
“Os aumentos nos custos de energia elétrica, associados à necessidade de manter as plantas analógicas e digitais de forma simultânea, trouxeram um aumento significativo nas despesas com energia, impactando os resultados financeiros das emissoras. Apresentamos ao mercado [no SET EXPO] os transmissores da família E-Compact com tecnologia Doherty, que proporcionam uma redução da ordem de 50% no consumo de energia elétrica. Essa tecnologia também nos dirige a uma oportunidade para uma nova avaliação da relação entre Eficiência Energética vs MER vs Área de Cobertura. Possuímos estudos, simulações laboratoriais e práticas, de como otimizar os parâmetros de acordo com a necessidade específica”, afirmam os representantes da marca.
A Hitachi Kokusai Linear fornece equipamentos de radiodifusão no Brasil desde 1977. Desde 2011, a empresa é uma importante base da Hitachi Kokusai Electric Inc. no segmento de radiodifusão, uma companhia que desde 1949 desenvolve produtos para os mercados de radiodifusão, telecomunicação, controle e segurança no Japão e que, hoje, possui mais de 37 mil equipamentos em mais de 40 países.

A Alfred desenvolve produtos para o processamento, o gerenciamento e o arquivamento de mídia digital. “São servidores, storages, arquivos, redes, estações de ingest, edição e exibição, em hardware e em software com a promessa de um workflow baseado em arquivo (file-based)”. O Alfred, o servidor MAM-in-a-box da companhia, chega ao SET EXPO 2016 renovado com “novas configurações de hardware, uso da nova geração LTO-7 de fitas de dados, com 6TB de capacidade em cada cartucho, nova versão do software cliente/servidor, incluindo metadados dinâmicos, pesquisa refinada e controle de transcodificações”, explicam os desenvolvedores da empresa pernambucana.
A companhia, sediada em Recife, também convida os broadcasters a conhecerem um preview do que será o novo Alfred 2, atualmente em desenvolvimento, e informa que a suíte de softwares da marca é outro ponto que se ampliou: “Além dos módulos de ingest, cliente/servidor e de arquivo, conheça o novo Alfred Play, o exibidor de vídeo e gráficos channel-in-a-box do Alfred; e o novo módulo Alfred Edit, para edição e pós completa na suíte, tornando-a uma verdadeira plataforma digital para produção de conteúdo em fluxos baseados em arquivos”.

A Teletronix, empresa brasileira fundada em 1996 em Santa Rita do Sapucaí, interior de Minas Gerais, traz ao mercado de radiodifusão “o que existe de mais tecnológico, inovando a cada dia para que a mais alta tecnologia em radiodifusão chegue às emissoras de rádio e TV de todo Brasil e do mundo”, segundo os representantes da marca, com o propósito de “sempre desenvolver e produzir equipamentos eletrônicos com a maior qualidade, garantindo aos seus clientes produtos que farão a diferença pelo seu alto nível de desempenho tecnológico”.
No SET Expo 2016, a Teletronix lança a sua nova linha de transmissores de TV Digital de alta eficiência com tecnologia Doherty, uma geração de transmissores de TV que “apresenta alta eficiência (superior a 30%), design compacto e configurações flexíveis para transmissão de TV digital, aliada a um baixo consumo de energia elétrica”. Com gavetas de 500W de potência e refrigeração forçada a ar ISDB-T, os transmissores operam com MER de 33 a 39 dB’s: “É mais uma novidade para entregar ao radiodifusor o que há de mais moderno em tecnologia para TV Digital”, ponderam os desenvolvedores do produto.

A SNEWS atua no mercado de broadcast há quase duas décadas desenvolvendo softwares para produção e automação em Telejornalismo e Radiojornalismo. Com o objetivo de facilitar o processo de produção de notícias dentro de uma redação, a empresa desenvolveu o ANEWS, um sistema de notícias que está em exposição em seu estande, no SET EXPO 2016.
As principais funcionalidades da plataforma são: publicar diretamente no site da emissora; apurar notícias; acompanhar redes sociais e canais RSS; armazenar contatos em uma agenda única; e enviar pautas direto do sistema para os e-mails dos repórteres e editores. “Além disso, o software possibilita a criação e edição de reportagens pelo aplicativo Mobile. Estas são apenas algumas das funcionalidades desse grande sistema”, explicam os representantes da companhia.
O ANEWS é integrável com uma variedade de soluções da SNEWS como: gerador de caracteres, gerenciador de mídias, exibidor de notícias e teleprompter por meio dos protocolos MOS, Intelligent Interface e Web Service. “Além de possibilitar integrações com os softwares, o ANEWS é o primeiro sistema de jornalismo com módulo de GC nativo, evitando retrabalhos de digitação, pois o próprio jornalista confecciona e manipula a playlist de créditos”.

EiTVA EiTV traz ao SET EXPO 2016 a sua linha com­pleta de soluções para TV Digital, streaming e TV online, com enconders, datacasters, solu­ções de legendagem e plataformas de auditoria de TV Digital, como o EiTV Inspector, um sistema de controle de qualidade para as emissoras de TV.

“Há décadas, a lei exige que cada emissora grave a própria programação. O conteúdo fica disponível por algum tempo para eventual fiscalização ou solicitação judicial. Um custo sem benefício para as empresas. Com o Inspector, o sinal BTS é gravado e analisado em todos os aspectos. Isso inclui o transport stream, de­codificando tabelas do PSI/SI, exibindo PIDs com seus tipos, bitrate e erros de continuidade; analisa tam­bém Loudness, EPG, interatividade e Closed Caption, fazendo a contagem total de horas das legendas, e conversão para formato SRT para download”.

Pela interface WEB, o sistema oferece pre­view do conteúdo ar­mazenado com deco­dificação do Closed Caption, e fornece a opção de configurar períodos para exporta­ção automática do BTS completo (comprimido) ou de serviços especi­ficados, com horários pré-estabelecidos de acordo com o EPG ou de forma independen­te. “Neste caso, a baixa resolução aumenta os períodos de gravação”, afirmam os desenvolve­dores da marca brasi­leira. O Inspector acei­ta os formatos RF, ASI (188/204) ou IP.

A Storm realiza “demonstrações de novas tec­nologias de streaming utilizando protocolos avançados de transferência de vídeos em tem­po real para eventos especiais” em seu estande no SET EXPO 2016. Com oito anos de existência, a em­presa brasileira é dirigida – e foi criada – por Wanderley de Abreu Júnior, engenheiro com experiência em sistemas de tecnologia de alto desempenho e passagens pela NASA (Agência Espacial Norte-Ameri­cana), ESA (Agência Espacial Europeia), e órgãos liga­dos à OTAN. Ele também foi chefe da Coordenadoria de Investigações Eletrônicas do Ministério Público do Rio de Janeiro.

“A Storm é uma empresa de tecnologia que se des­taca pela capacidade de inovação e capacidade de entrega”, anuncia a marca. Os principais produtos e soluções da companhia são uma plataforma de strea­ming (a primeira a entregar 4K na América Latina), o Stormlytics (Big Data e BI), e o desenvolvimento de aplicativos para smart TV, smartphone e web.

A Merlin, com 32 anos de mercado, se destaca no Brasil pela sua loja de equipamentos e acessórios para o mercado profissional de broadcast. O destaque que a empresa trouxe ao SET EXPO é uma unidade móvel 100% desenvolvida pela Merlin Projetos, equipado para a transmissão ao vivo de eventos de pequeno, médio e grande porte ideal para igrejas, show, rodeios, eventos sociais e corporativos que necessitem de mobilidade e qualidade de imagem. O dispositivo possui configuração inicial com capacidade para até quatro câmeras, gravação em Full HD, 12 horas de armazenamento de áudio e vídeo, gerador de caracteres, mesa de áudio de 12 canais, e vídeo streaming com qualidade HD de 6MB por segundo.
Além da Merlin Projetos, que realiza a implantação de sistemas de televisão, de unidades móveis e de vídeo streaming, o Grupo Merlin é formado por outras cinco segmentações: a Merlin Mega Store, uma loja especializada na venda de equipamentos e acessórios para fotografia profissional, vídeo broadcast, cinema, TV e Vídeo Streaming; a Merlin Locação, empresa dedicada à locação de equipamentos para o segmento profissional de foto e vídeo, produção, câmeras, tripés e iluminadores; a Merlin Cursos, uma escola de treinamentos e workshops de fotografia, vídeo produção, edição de imagem e configuração operacional de equipamentos; a Merlin Distribuidora, loja especializada no atendimento à revendas e lojistas; e, por fim, a Merlin Criativa, uma agência de publicidade com 15 anos de experiência.

A TI.TV traz ao SET EXPO 2016 o Symply Share, um SAN para até oito usuários via Thunderbolt e para até vinte usuários via IP em rede de 10 GB, configurando e compartilhando instantaneamente até 128 TB de armazenamento com poder colaborativo. É um equipamento “sem complicações de rede de metadados e sem conexões de fibra para gerenciar”, explicam os fabricantes.
A Ti.TV atua no mercado de vídeo profissional (broadcast) desde 2011, atendendo emissoras de TV aberta e emissoras de TV fechada, além de produtoras profissionais de vídeo.
O foco da companhia é oferecer, mais do que equipamentos, “entendimento e atendimento pleno das necessidades dos clientes. Contamos com profissionais experientes, além de constantes investimentos em atualizações técnicas, garantindo a nossa competitividade e o sucesso dos projetos”.

A Tecsys, localizada em São José dos Campos, interior de São Paulo, apresenta ao mercado a sua linha de transmissores ISDB-T de baixa potência no SET EXPO 2016, com modelos de 25, 50 e 100 Watts. O lançamento dos produtos é o resultado de uma parceria da companhia brasileira com a empresa do segmento de transmissores digitais espanhola Tredess. Os equipamentos são fabricados no Brasil com a garantia e o suporte local da Tecsys.
“A unidade de potência possui características de baixo consumo e alta eficiência, excelente MER, capacidade operação em MFN e SFN, além de múltiplos sensores e alarmes para garantir a operação e monitoração remota. Em conjunto com a unidade de potência, os conversores da Mídia Digital TS8200 DVBS/S2 no padrão H.264 em HD/SD possuem capacidade de multiplexação e geração de sinal BTS (RMX LITE) ou a descompressão do BTS (modelo RMA) previamente comprimido, garantindo interoperabilidade com os principais compressores e transmissores do mercado”, informam os desenvolvedores da marca.
A Tecsys do Brasil tem o objetivo de “atender seus clientes com muita rapidez, seja aqui [no Brasil] ou em qualquer parte do mundo”, tanto na venda de seus produtos, na reposição de partes e de peças e no recebimento de matéria-prima de seus fornecedores. “Com todos os departamentos integrados graças a um sistema on-line de gestão, a Tecsys possui eficiência e agilidade para entregar seus pedidos no menor prazo possível, destacando-se por sua postura, conceito de produto e atendimento com qualidade”, afirmam.

A RFS apresenta o seu portfólio completo de soluções para sistemas irradiantes de rádio e televisão no SET EXPO 2016, incluindo, além de equipamentos, toda a gama de serviços necessários para a implementação dos sistemas de transmissão wireless, uma variedade de ofertas que vai desde a engenharia de projetos de RF e o gerenciamento (PMO), até a implantação, o comissionamento, as medições e testes de campo, e o suporte técnico.
“O cliente RFS conhece os nossos produtos (antenas, linhas de transmissão, filtros, combinadores, etc.) e reconhece globalmente a qualidade dos mesmos. A novidade deste ano no SET EXPO é que a RFS passa a oferecer também o pacote completo de serviços. Nós queremos ajudar o nosso cliente a resolver os seus problemas e não apenas vender produtos”, diz Renato França, diretor comercial de Broadcast para América Latina da companhia.
A RFS é uma fabricante mundial de soluções integradas e completas para comunicação sem fio. A empresa oferece ao mercado projetos e serviços customizados que abrangem comunicação móvel, microondas, cobertura indoor e broadcast. Também dispõe de completa linha de cabos especiais (Linha kmP), indicados para automação industrial e comercial, áudio e vídeo, sonorização profissional, sistemas de segurança e satélites, entre outras aplicações. Uma das dez fábricas da RFS está no Brasil há quarenta anos. Essa unidade responde por toda a demanda da companhia na América Latina.

A ChyronHego chega ao SET EXPO com a sua variedade de soluções e produtos end-to-end, em nuvem, para a criação de gráficos e grafismos em transmissões ao vivo e a visualização de dados em tempo real para produções de rádio e televisão “para jornalismo, esportes, entretenimento ou produção de vídeos corporativos e de governo”. Um dos destaques da companhia no Expo Center Norte será a solução all-in-one para cenários virtuais Hybrid’s Neon Trackless Virtual Sets Solution, que utiliza os sinas de vídeo de câmeras fixas e um chroma-keyer interno para oferecer movimentos de câmeras virtuais como roll, pan, travelling e grua. “Neon é uma verdadeira solução all-in-one para cenários virtuais”, destacam os representantes da ChyronHego.
Outros desenvolvimentos da empresa são os sistemas para grafismo com engine de render em tempo real, channel branding, meteorologia, gestão de assets gráficos, players de vídeo, redes sociais e segunda tela, gráficos touchscreen, ilustração sobre vídeo, realidade aumentada, além dos cenários virtuais e da captura e visualização de dados de transmissões esportivas. Com sede em Nova York, a ChyronHego também possui escritórios em outros países, como Suécia, Finlândia, Noruega, Dinamarca, Holanda, República Checa, República Eslovaca, Reino Unido, Alemanha, México, Cingapura e Brasil, onde é exclusivamente representada pela Video Systems.

A Kathrein chega ao SET EXPO 2016 com a sua linha completa de soluções tecnológicas de comunicação que abrange desde a comunicação móvel até a transmissão de dados em escritórios, fibra óptica e redes de cabo, passando por satélites, transmissão de rádio e TV, e sistemas para transmissão e recepção em veículos. “Como uma empresa de capital próprio, estamos sempre um passo à frente, trabalhando nas tecnologias do futuro desde 1919. Orgulhamo-nos de nossos funcionários dedicados e de nossa paixão pelos clientes e pela qualidade”, afirmam os alemães, em comunicado à imprensa.
Um dos destaques da companhia no Expo Center Norte será a UHF Cavity Slot Antenna, uma antena plug and play com design renovado que, segundo a fabricante, “exige pouco esforço de instalação, diminui as possibilidades de erros de cabeamento e reduz os danos provocados pelo vento (suporta até 240 km/h)”. O produto possui aplicação broadband de 470-790 MHz, polarização horizontal e power rate superior a 5 KW rms.

A Smart UPS Solutions, em parceria com a Schneider Electric, oferece soluções integradas para fornecimento de energia, refrigeração, monitoramento ambiental e gerenciamento de sistemas de energia para data centers, salas de transmissores, centrais técnicas e estúdios. “Dentre os serviços oferecidos aos nossos clientes, destacamos a nossa divisão de assistência técnica especializada em nobreaks, com serviços de manutenção preventiva e corretiva, serviços de troca de baterias com parametrização, configuração de IP para gerenciamento remoto, além de fornecimento de baterias seladas e demais peças de reposição”, informam os representes da empresa.
Quem visitar o estande da Smart UPS Solutions, no SET EXPO 2016, pode ver a solução integrada para salas de servidores da companhia, composta por um rack de 19” e 42U; nobreak com software de gerenciamento integrado que possibilita monitoramento remoto; PDU montada em rack para gerenciamento de tomadas individuais a partir de qualquer local da rede; chaves de transferência automática de rack (ATS) que oferecem redundância para equipamentos que necessitam de dupla alimentação; monitor LCD, teclado e mouse integrados com chave KVM para gerenciamento de múltiplos servidores; equipamentos Netbotz para monitoramento ambiental em nível de sala ou de rack, com câmeras de vigilância e sensores que indicam parâmetros ambientais tais como temperatura, umidade, presença de fumaça e/ou líquidos e abertura de portas; e acessórios para rack, tais como organizadores de cabos, prateleiras e tampas cegas.

A Dalet é uma empresa de soluções de software para vídeo, multimídia e áudio nos segmentos de broadcast, governamental, corporativo e educacional. No SET EXPO 2016, a companhia apresenta as suas soluções de MAM, automação de notícias, esportes, transcoding, ingest, QC, vídeo servidor e playout com o objetivo de otimizar os workflows, maximizar a produção e melhorar o compartilhamento nas emissoras com as quais trabalha.
A lista de clientes da Dalet inclui emissoras públicas internacionais, como a CBC, a France Télévisions e a BBC; redes comerciais, como a TV Globo, a TV Record Bahia, a TV Record Belo Horizonte, a Record News Araraquara, a Record News SP, a ACERP, a Antena3, a FOX, a Televisa e a Time Warner Cable; além de organizações governamentais, como a NASA e a The European Commission.

A SDC é uma empresa de engenharia e TI dedicada a compor soluções computacionais customizadas para aplicações que exigem alta disponibilidade e uso contínuo. Com 35 anos de atuação, a SDC “integra e otimiza as tecnologias dos principais fabricantes de hardware para obter o melhor desempenho com os principais softwares profissionais do mercado”. Para o SET EXPO 2016, a fabricante brasileira, sediada em São Paulo (capital), combinou a expertise de seus parceiros de hardware (Supermicro, NVIDIA e Seagate) e Software (Autodesk, Colorfront, Witbe) para apresentar soluções específicas para as diversas etapas da produção e transmissão de vídeo: storage, pós-produção, render, ingest, playout e avaliação da experiência do usuário.

A Sonoton do Brasil representa o maior arquivo musical independente do mundo, o Sonoton Music Librar, empresa sediada na Alemanha. Uma das 35 agentes da companhia alemã espalhadas pelo mundo, a Sonoton do Brasil traz ao SET EXPO 2016 uma gama de músicas para produções de áudio e de vídeo em televisão, no rádio, na internet, na publicidade e no cinema. “No nosso estande [no SET EXPO] você encontrará uma seleção enorme de trilhas e o programa único de procura musical Sonofind. Este programa possibilita encontrar com facilidade e rapidez as trilhas ideais para os seus trabalhos”.
A empresa vende direitos autorais de músicas dos mais variados estilos por meio de 140.000 trilhas
“de alta qualidade musical”, informam os representantes da empresa brasileira sediada no Rio de Janeiro. “As trilhas, das quais cedemos os direitos autorais, são oferecidas por meio de mídia digital, que podem ser baixadas de site específico com texto em português”.

A Frata é uma fabricante brasileira de sinalização aérea para torres de radiodifusão, energia, e infraestrutura. A companhia segue as normas Comar, FAA e ICAO e, no SET EXPO 2016, apresenta a sua nova geração de balizadores aéreos a LED, “inclusive com modelos alimentados à energia solar”. Na área de energia, expõe, também, instrumentos de medição de qualidade em bancos de baterias (UPS e nobreaks), como o Wens 900, uma solução que faz medições em sistemas operantes sem necessidade de desligamento; realiza análise gráfica dos relatórios no próprio equipamento; gera relatórios em Word, Excel e PDF; possui memória interna para mais de 7,5 milhões de medições; e oferece pontas de prova tipo garra e agulha para se adequar às mais diversas situações. O produto realiza testes em baterias de chumbo-ácido, níquel-cádmio, lítio e níquel-hidreto de metal e pode ser utilizado por indústrias, sistemas de telecomunicações, datacenters e sistemas de nobreak.

A Enensys Networks demonstra a sua tecnologia de otimização de rede OneBeam ISDB-T/Tb DTT no SET EXPO 2016, com uma gama de recursos recentemente adicionados. O sistema é um elemento central das capacidades de otimização de redes de satélite da Enensys, abrangendo codificação, multiplexação e transmissão.
“O OneBeam ISDB-T/Tb permite usar um stream de transporte MPEG-2 padrão dentro da rede de distribuição, sem a necessidade de um equipamento proprietário para entregar e receber o stream BTS. Os operadores podem facilmente monitorar serviços em toda a rede de distribuição graças ao sinal MPEG padronizado. Nos locais de transmissão, o OneBeam Edge (TbEdge) gera o sinal de BTS para transmissões de MFN ou SFN. Para maior eficiência, somente o conteúdo que está realmente sendo usado é enviado através da rede de distribuição, permitindo otimizar o uso da largura de banda e economizar custos significativamente”, afirmam os desenvolvedores do produto.
A Enensys Networks é uma empresa de design e fabricação de sistemas de transmissão de TV digital especializada na infraestrutura DVB-T/T2/ISDB-T.
A companhia expõe as suas aplicações no estande 154 do Pavilhão Vermelho do Expo Center Norte.

A AudioVideo BrandBuilder Corporation é uma empresa norte-americana que representa marcas estrangeiras da indústria de televisão e de broadcast nos Estados Unidos e na América Latina. Sediada na cidade de Richardson, no Texas, a AVBB trabalha com a Phabrix e a Cindeck, oferecendo “apoio de marketing, de vendas, de logística e de serviços” a seus clientes.
Da Phabrix, a AVBB traz ao SET EXPO 2016 produtos como o Phabrix SxTAG-TAG-C, um instrumento de medição e de prova de nível de entradas de sinal de áudio e de vídeo que, segundo os seus desenvolvedores, é “ideal para o mercado latino americano na transição das transmissões analógicas às transmissões digitais”. A solução integra a linha portátil Sx da Phabrix e “pode analisar e monitorar, como também gerar sinais analógicos NTSC e PAL, ou sinais digitais de SDI em SD/HD/3G, como também sinais por fibra ótica e por HDMI através de módulos SFP. Também pode monitorar e analisar sinais analógicos de áudio AES como sinais integrados no vídeo”.
O Phabrix SxE é outro instrumento de medição de áudio e de vídeo portátil da série Sx que pode ser encontrado no estande da AVBB no Expo Center Norte. As linhas de produtos Rx – com módulos que aceitam até 8 entradas e oferecem até 20 instrumentos de análise ao mesmo tempo – e Qx – a nova série de medição híbrida da companhia, fabricada para sinais 4k, 8K e sinais IP de 10 GB – também chegam com destaque ao SET EXPO.
Da Cindeck, a AVBB apresenta a plataforma ZX, um servidor de ingest e de codificação de arquivos otimizado para aplicações de produção em câmeras múltiplas, pós-produção e eventos já finalizados. O dispositivo é capaz de “criar arquivos em tempo real, ao mesmo tempo, em diferentes formatos e codecs, com versões máster e proxy”. Os codecs e formatos AVC-Intra,
DVCPro HD, XDCAM HD, IMX, ProRes, MOV, MXF IOp1a, MXF OpAtom vêm incluídos na plataforma, que está disponível em três modelos: o ZX20 com dois canais, o ZX40 com quatro canais e o ZX45 com quatro canais e um CPU e GPU mais avançado.

A LineUp apresenta soluções para as áreas de grafismo, fluxo IP, produção de áudio e vídeo, transferência de arquivo em alta velocidade, processamento, arquivamento, gerenciamento, monitoração, automação de estúdio, channel in a box, matriz KVM Switch, contribuição, exibição e transmissão em seu estande no SET EXPO 2016. Em 2012, a companhia se integrou à Comtelsat, que pertence ao grupo Laumann, no México. Hoje, a LineUp representa mais de 40 fabricantes globais de soluções para a área de broadcasting no Brasil e na América Latina. Um dos destaques da empresa no Expo Center Norte é o console mc256 MKII, com 48 faders, da fabricante germânica Lawo, além da linha de produtos destinados para vídeo da companhia alemã, como o V_Link4 (muito utilizado em projetos de áudio/vídeo por IP) e o processador V_Pro8, equipamentos que foram utilizados durante a Olimpíada Rio 2016 por clientes da Lawo. O estande da LineUp também apresenta soluções de marcas como a AVID, a IBM, a Harmonic, a Oracle/Front Porch, a TVU, e a AJA, a mais nova marca representada pela integradora brasileira.

A Playlist Software Solutions introduz ao mercado o seu mais novo produto no SET EXPO 2016, o Logger 2.0, um sistema para gravação de áudio, envio de streaming e auditoria completa que funciona em dispositivos móveis via internet. Além do novo Logger 2.0, a Playlist apresenta três novidades: o Audie, um software para gestão de audiência em emissoras de rádio; os novos recursos do Smart Manager, o software de gestação e automação financeira da companhia; e, por fim, inovações tecnológicas no Playlist Digital 5, o software de programação ao vivo ou automatizada da marca.
Em operação desde 1986, a Playlist Software Solutions trabalha com mais de 2.000 emissoras de rádio no Brasil e em outros países e tem como missão “desenvolver softwares confiáveis, inovadores e de fácil operação” para a radiodifusão. O principal produto da empresa brasileira é o Playlist Automation Suite, “um sistema integrado com recursos inovadores para cada departamento [de uma emissora], que pode ser implantado como uma solução stand-alone ou integrado em um workflow homogêneo, adaptando-se a qualquer tipo de emissora, seja ela uma pequena radio indoor ou radioweb, ou uma grande rede de emissoras de rádio”, destacam os representantes da companhia.

A RF Mídia chega ao SET EXPO 2016 com o seu portfólio completo de soluções de produção de conteúdo em mídia impressa e digital, planejamento de identidade visual, desenvolvimento e programação de sites, criação, produção de material gráfico e produção e criação para rádios e televisões. “Com mais de 170 clientes entre rádios, TVs e mídia exterior, a RF Mídia está presente em praticamente todo o território nacional”, informam representantes da companhia paulistana.
Em 2015, A RF Mídia apresentou aumento de 30% em seu faturamento, em comparação ao ano anterior. “Neste ano, a expectativa de crescimento da empresa deve atingir novamente a meta de 30%, baseando-se na conquista de novos clientes no mercado nacional e internacional”. Os principais clientes da RF Mídia incluem a TV Globo, o Sistema Universitário de Ensino, o Grupo Bergamini e o Sistema Correio TV Record Nordeste. No mercado internacional, o grupo atende a Rede Record Portugal, as rádios Rede ABR Boston e a MSBN 99.1, de Atlanta nos Estados Unidos.

A Sotec Soluções – No-breaks e Estabilizadores Eletrônicos apresenta o nobreak Conception Multi Ativo Trifásico 5,0 a 200,00 kVA ao mercado no SET EXPO 2016. O produto conta com tecnologia DSP (Digital Signal Processor) e “permite funções avançadas e exclusivas em tempo real”, explicam os fabricantes, além de um “display touch screen TFT 4,3” (item de série); moderna tela com comandos por toque, que permite acesso ao nobreak pela internet; possibilidade de upgrade do Firmware do DSP que garante a atualização e a preservação do investimento; e acionamentos monitorados pelo DSP, com manobras registradas e gravadas no log de eventos”.
A companhia brasileira atua no mercado de proteção de energia há mais de 30 anos nos setores de segurança, bancário, comercial, industrial, telecomunicações, data centers, laboratórios, sistemas médicos de diagnósticos, imagem e sistemas gráficos, microfilmagem entre outros. “Oferecemos soluções que se caracterizam pela qualidade, compromisso, excelência e pela transparência no relacionamento com clientes, parceiros, fornecedores e colaboradores. A nossa especialização em soluções de proteção de energia atende o mercado corporativo onde conquistou liderança em sistemas nobreaks e estabilizadores de tensão”.

A Voiceinteraction do Brasil, empresa de desenvolvimento de tecnologias na área de processamento da voz, apresenta as suas soluções em geração de closed caption automático por reconhecimento de voz no SET EXPO 2016, além de sistemas de monitoramento de mídias, de rádio e de televisão, de gravação de áudios live e off-line, biometria da voz e avatares interativos.
O Audimus Media é um dos destaques do estande da companhia no Expo Center Norte: um sistema de closed caption totalmente automático que, instalado na infraestrutura da emissora, recebe os seus feeds de áudio diretamente da PGM e produz legendas em tempo real. “De fácil integração com o seu workflow atual, este sistema recebe qualquer fonte de áudio ou vídeo, processa e envia as legendas geradas para qualquer encoder de teletexto ou de closed caption. Nas transmissões web, o processo é semelhante. Para atingir a máxima precisão, existem diferentes técnicas ou estratégias, como a adaptação dos modelos de âncoras ou a atualização diária do contexto do vocabulário”, informam os desenvolvedores da Voiceinteraction.