• PT
  • EN
  • ES

Ultra Alta Definição e Super Ultra Alta Definição em produções audiovisuais

Almir_Almas

Ultra Alta Definição e Super Ultra Alta Definição em Produções Audiovisuais

Nesta mesa-redonda abordaremos inovações e tecnologias disruptivas que apontam para transformações em curso e no futuro da semiosfera televisiva, que abarcam produções audiovisuais em múltiplas plataformas, múltiplas telas, múltiplas janelas, múltiplos produtos e múltiplos serviços. Além do enfoque tecnológico, de padronizações e sistemas, serão apresentados também “Casos de Produção”, com seu estado da arte, workflows e aspecto da discussão técnico/estética e da realidade do mercado brasileiro.

Moderador: Almir Almas, Professor Doutor, Universidade de São Paulo e Vice-diretor de Cinema da Diretoria da SET

Professor e pesquisador do Departamento de Cinema, Rádio e Televisão e do Programa de Pós-Graduação em Meios e Processos Audiovisuais; Coordenador do Grupo de Pesquisa LabArteMídia e do Observatório Obted da ECA/Universidade de São Paulo. Doutor em Comunicação e Semiótica; Cineasta/ VJ; artista do Coletivo de Arte Cobaia. Vice-Diretor de Cinema da Sociedade Brasileira de Engenharia de Televisão. Autor de "Televisão digital terrestre: sistemas, padrões e modelos". alalmas@usp.br

perfil

Desafios dos Efeitos Visuais na era do 4K

Casos de Produção da Produtora Conspiração Filmes, em seus aspectos de workflows, efeitos visuais, conteúdo para publicidade, cinema, institucionais e televisão.

 

Palestrante: Claudio José Lima Peralta, Supervisor de Efeitos Visuais na Conspiração Filmes

Com 20 anos de experiência na área de pós produção, Claudio Peralta assina como Diretor e Supervisor de Efeitos na Conspiração Filmes, umas das principais produtoras do Brasil. Como Diretor, Claudio assina a Direção Geral da série animada Planeta Palavra. Recentemente assinou a direção, junto com Andrucha Waddington do filme Santos Dumont exibido na Abertura dos Jogos Olímpicos Rio 2016. Já dirigiu filmes publicitários para clientes como Johnny Walker, Asus, Grendene, Telefonica, Brahma, TV Globo, World Health Organization, além de aberturas para longa metragens e séries de TV. Ele também contribuiu na concepção de projetos especiais como os filmes de lançamento das marcas Olimpíacas e Paralimpícas do Rio 2016. Claudio fez a supervisão de efeitos visuais dos últimos 10 longa-metragens produzidos pela Conspiração Filmes. Quatro deles foram indicados ao Grande Prêmio do Cinema Brasileiro por Melhor Efeitos Visuais, sendo o vencedor por “O Homem do Futuro”. Claudio Peralta se destaca não só pela sua vasta experiência em efeitos visuais mas também por sua contribuição criativa no desenvolvimento dos projetos em que está envolvido, desde a concepção até sua entrega final. Está constantemente buscando novas técnicas e

jose_francisco_neto

Workflow – tecnologia, realização e finalização

Workflow para o digital e a Ultra Alta Definição (4K) e Super Ultra alta Definição (8K); a preparação para produção, pós-produção e exibição. Arranjo entre realizadores, tecnologia e mercado.

Palestrante: José Francisco Neto - DOT CINEMA

José Francisco Neto (Chiquinho) é Sócio-Fundador e Supervisor de Pós-Produção da DOT CINEMA, empresa que criou em 2010 para atuar na finalização de imagens para produções de cinema e televisão. É membro da SMPTE (Society of Motion Pictures and Television Engineers) e da ABC (Associação Brasileira de Cinematografia) onde participa ativamente em palestras e oficinas para disseminação da tecnologia cinematográfica. Com uma carreira profissional de 30 anos, pesquisa e implementa tecnologias e sistemas de trabalho pioneiros no mercado brasileiro como a correção de cor digital por área (1994), o Live Streaming Media (1998), Estéreo 3D e 4K (2010), podendo acumular conhecimento e experiência nas áreas de captação e processamento de imagens, pós-produção e exibição. Participou de projetos importantes e variados como a atualização profissional em edição não-linear do jornalismo da TV Globo SP e a criação do Portomídia de Recife, um importante polo de inovação da economia criativa reconhecido mundialmente.

Estudo de Caso: O2Filmes

Aspectos da discussão técnico/estética sobre o uso de tecnologia de Ultra Alta Definição na produção. Análise de diversos elementos, como o HDR (high Dynamic Range), HFR e Resoluções. Quais os caminhos e o estado da arte a partir de ilustração de casos da produtora O2Filmes.

Palestrante: Luis Ignacio Barrague - Supervisor de pós-produção O2 filmes

Formado em Radio e TV na FAAP em 2001. Durante os anos seguintes trabalhou em diversas empresas exercendo diferentes funçoes como freelancer, com isto adquiriu uma visão geral do processo de produção e pós-produção. No ano de 2006 dedicou-se a pós-produção de Longas-metragens com experiência na transição do workflow de negativo para o digital. Desde 2014 trabalha na O2 filmes como Supervisor de pós-produção focado na entrada e saída de mídias, incluindo departamentos de laboratório digital, backup, conform, VOD e masterização. Sempre preocupado com o melhor workflow para otimizar o trabalho reduzindo custos e atendendo as necessidades especificas de cada projeto.

Luiz Gonzaga de luca crop

Estado da arte do mercado exibidor e o futuro tecnológico das salas

Realidade do mercado exibidor brasileiro em tecnologias das salas de cinema. Realidade das possibilidades tecnológicas da realização e o parque tecnológico da exibição. O caminho das novas salas.

Palestrante: Luiz Gonzaga Assis De Luca - Presidente da rede Cinépolis

Presidente da rede Cinépolis.Um dos profissionais que fizeram da distribuidora Embrafilme a líder do mercado durante três anos seguidos, no fim dos anos 1970 e início dos 1980. Nos anos seguintes, voltou-se para o setor de exibição, exercendo diversas funções no Grupo Severiano Ribeiro, até chegar a diretor-superintendente, cargo que ocupou até agosto de 2010. Formou-se em administração pública pela Fundação Getúlio Vargas de São Paulo e fez doutorado em cinema pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo. Lançou os livros Cinema Digital – Um novo cinema? (2004), A hora do cinema digital (2009)e Cinema digital e 35mm – Técnicas, equipamentos e instalação de salas de cinema (2011), entre outros.

Solange Pauletti